Clipping África Austral #21

Idai: Human Rights Watch denuncia sexo em troca de comida

Data: 25 de Abril de 2019

Human Rights Watch (HRW) conta que vítimas, residentes e trabalhadores precisam de dinheiro para pagar para que líderes das comunidades incluíssem seus nomes nas listas de ajuda pós o ciclone Idai. Há casos de que, mulheres sem dinheiro, eram forçadas a fazer sexo com os líderes locais para conseguir um pacote de arroz, ou qualquer ajuda alimentar. A HRW aponta que parceiros internacionais, como a ONU, devem garantir maior supervisão dos líderes locais. O governo moçambicano deve cuidar para prevenir essa exploração sexual e estar atenta as denúncias.

Fonte: Deutsche Welle

Kenneth: Moçambique se prepara para chegada de novo ciclone

Data: 25 de Abril de 2019

Um mês após a passagem do ciclone Idai pela África Austral, Moçambique se prepara para a chegada do ciclone Kenneth, ameaçando aproximadamente 700 mil pessoas. O governo local já está cancelando voos e pedindo o fechamento de escolas. Kenneth vem depois de Idai ter provocado a morte de mais de mil pessoas, além de ter causado danos estimados, pelo Banco Mundial, de 2 bilhões de dólares em Malawi, Moçambique e Zimbábue.

Fonte: RFI

Tribunal condena 37 dos 189 acusados de ataques armados no norte de Moçambique

Data: 24 de abril de 2019

Foram condenados pelo Tribunal Judicial da Província do Cabo Delgado 37 dos 189 acusados de envolvimento na violência armada no norte de Moçambique, com penas entre 12 e 40 anos de prisão. As penas são referentes a crimes de homicídio, porte de armas proibidas, contra a organização do Estado, e desobediência coletiva. Segundo informações a província de Cabo Delgado vem sofrendo constantemente com os atos de violência lá cometidos.

Fonte: África 21

Governo português alerta para tempestade tropical em Moçambique e Tanzânia

Data: 23 de abril de 2019

Alerta de uma suposta tempestade tropical foi direcionada a população de Moçambique e Tanzânia na última terça feira. No meio das recomendações está o acompanhamento da situação por meio de órgãos oficiais e de comunicação social. Em Moçambique, se mantem maior atenção devido ao Ciclone Idai que afetou o país a cerca de um mês.

Fonte: África 21


Eleições da África do Sul em 8 de maio, sexta eleição geral pós-apartheid

Data: 25 de abril de 2019

As eleições que entram em vigor no próximo oito de maio, vão decidir quem será o quarto presidente do país desde o fim do apartheid em 1994. Os eleitores votam em um partido político, devido a um processo indireto que envolve votação para membros do Legislativo. Até hoje a África do Sul passou pelos seguintes presidentes: Nelson Mandela, Thabo Mbeki e Jacob Zuma, além de Cyril Ramaphosa que assumiu a presidência interina em fevereiro de 2018 após a renúncia de Zuma.

Fonte: África News

Ciclone mata uma pessoa, e deixa rastro de destruição em Moçambique

Data: 26 de abril de 2019

Alerta emitido na terça (23) de um Ciclone denominado Kenneth acaba ocorrendo no dia 26, onde uma tempestade atingiu a costa norte de Moçambique e deixou pelo menos uma pessoa morta e muitas destruições no caminho. De acordo com informações foi a tempestade mais poderosa já registrada, quantidade duas vezes maior que o recente Ciclone Idai que atingiu a África do Sul, Moçambique, Zimbabué e Malawi. Uma mulher morreu depois de ter sido atingida por uma árvore em queda, de acordo com o Comitê de Operações de Emergência de Cabo Delgado. O subsecretario geral das Nações Unidas para assuntos humanitários afirmou que “o ciclone Kenneth marca a primeira vez que dois ciclones atingiram Moçambique em uma mesma época”.

Fonte: Aljazeera

Consequências do Ciclone Kenneth dificultam a mobilização de recursos em Moçambique nas áreas atingidas

Data: 27 de Abril de 2019

O ciclone Kenneth atingiu Moçambique na quinta-feira 25/04, com ventos de 220km/h, quase um mês depois do ciclone Idai – classificado pela ONU como um dos piores desastres climáticos já registrados no hemisfério sul. Pela primeira vez, dois ciclones tão intensos atingem a região neste curto intervalo de tempo. Uma jornalista da BBC News, Pumza Fihlani, diz que o dano causado às linhas de energia no norte de Moçambique está dificultando a comunicação na região. Além disso, o capitão brasileiro Kleber Castro, que atua juntamente com os bombeiros de Minas Gerais, diz que o transporte está inviabilizado, pois os recursos necessários, como helicópteros, são insuficientes. Há relatos de que milhares de casas na província de Cabo Delgado foram destruídas pelos ventos e temores de que outras milhares fiquem ilhadas nas áreas atingidas; atualmente, o número confirmado de mortos é de cinco pessoas.

Fonte: G1

Cooperação entre Angola e Espanha para a área da educação

Data: 27 de Abril de 2019

Manuel Ruigóme, embaixador da Espanha em Angola, afirmou que as relações de cooperação entre Angola e Espanha no domínio da educação são excelentes. Ele também comentou que a cooperação entre os dois países estão evoluindo, não apenas na educação, mas em outros âmbitos como comércio e agricultura, sendo a Espanha o 3º país a mais investir na Angola.

Fonte: Angola Press


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.