Clipping Grandes Lagos #41

3500

Fonte: The Guardian

Tanzânia anuncia que o retorno de centenas de refugiados burundianos é apenas o começo

Data: 07/10/2019

Milhares de burundianos procuraram refúgio na Tanzânia depois que seu país entrou em grande instabilidade política e ondas de violência, em 2015, após o anúncio do presidente do Burundi de que iria concorrer a um terceiro mandato na presidência – situação proibida por lei no país. Agora, aproximadamente 225.000 burundianos vivem na Tanzânia, e parte em campos de refugiados na fronteira de seu país. Nos últimos meses, no entanto, quase 600 refugiados voltaram ao seu país, e o governo tanzaniano insiste em dizer que o Burundi voltou a ser um lugar seguro. O que se observa, entretanto, é um país ainda instável e que tem eleições presidenciais marcadas para o próximo ano, o que, de acordo com analistas, podem aumentar ainda mais a onda de violência no país.

Fonte: The Guardian

 

Uganda e sua política de refugiados única

Data: 07/10/2019

Uganda está sendo considerada um exemplo de recepção de refugiados. O país está aberto a receber pessoas, que, quando chegam no território, já recebem autorização para o trabalho. A ideia é que elas se tornem autossuficientes e consigam se sustentar pelos próprios meios. A Uganda, ainda sim, precisa de ajuda, pois os recursos estão ficando escassos com a entrada de milhares de refugiados todos os meses. De qualquer forma, ainda assim não fecha as fronteiras para essas pessoas que estão vindo fugindo da violência, de perseguição política, ou qualquer outro motivo que as impossibilitaram de ficar em suas casas.

Fonte: DW


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.