Clipping Chifre da África #87

Fonte: CNN International

Etiópia ordena a expulsão de funcionários do alto comissariado da ONU do país, por “intromissão”

Por Italo Oliveira

O governo da Etiópia ordenou a expulsão de sete funcionários da Organização das Nações Unidas (ONU) sob a justificativa de intromissão nos assuntos internos do país. O fato ocorreu após constantes avisos por parte dos funcionários dos limites ao acesso na região conflituosa do Tigray, na última terça-feira. O ministro das Relações Exteriores do país chamou-os de “persona non grata” e informaram que os mesmos tinham 72 horas para deixar o país. Além disso, em nota o governo norte-americano apontou que este caso implicará em graves sanções ao país. Concomitantemente, a ONU afirmou que a expulsão é indevida e custará a vida de milhares de civis.

Fonte: ETHIOPIA orders expulsion of top UN officials for ‘meddling’. AlJazeera, [S. l.], p. 1, 30 set. 2021. Disponível em: https://www.aljazeera.com/news/2021/9/30/ethiopia-orders-expulsion-of-7-top-un-officials-over-meddling. Acesso em: 5 out. 2021.

UNIÃO EUROPEIA SOLICITA QUE A ETIÓPIA REVOGUE A DECISÃO QUE EXPULSOU FUNCIONÁRIOS DA ONU DO PAÍS

Por Maria Luiza Mendes em 05/10/2021

A União Europeia (UE) e seus Estados membros pediram hoje ao Governo etiope a rápida revogação da decisão que levou à expulsão de sete altos funcionários das agências humanitárias da ONU do país. O chefe da diplomacia pontuou ainda que é “imperativo que as organizações de direitos humanos e de ajuda humanitária possam realizar o seu trabalho sem obstaculos”. A tomada dessa decisão “corre o risco de minar ainda mais a possibilidade de levar ajuda a milhões de etíopes em situação humanitária extrema”. Ademais, as organizações de ajuda enfrentam dificuldades diárias para levar ajuda às pessoas necessitadas do Tigray e em outras partes do norte da Etiópia.

Fonte: Mundo ao Mundo

PRIMEIRO-MINISTRO DA ETIÓPIA TOMA POSSE PARA O SEGUNDO MANDATO EM PLENO CONFLITO EM TIGRAY

Por Maria Luiza Mendes em 05/10/21

Primeiro-Ministro da Etiópia, Abiy Ahmed, tomou posse nesta última segunda-feira (04) para o segundo mandato de cinco anos, no meio de uma crise e uma guerra civil brutal na região de Tigray, ao norte do país. Ele faz parte do Partido da Prosperidade (PP), obtendo uma grande vitória nas eleições no mês de junho, prestando juramento diante da presidente da Suprema Corte etiope, Meaza Ashenafi. Essa vitória foi considerada como uma ajuda para as reformas iniciadas desde que o primeiro-ministro chegou ao poder em 2018, sendo ofuscada pelo conflito em Tigray, levando o premier a ser alvo de críticas da comunidade internacional.

Fonte: O Globo – Mundo

NOVO PROGRAMA DO GRUPO BANCO MUNDIAL PARA IMPULSIONAR OS ESFORÇOS DO DJIBOUTI PARA REDUZIR A POBREZA

Por Maria Luiza Mendes e Yasmin Faria em 01/10/21

O Conselho de Administração do Grupo Banco Central no último dia 23 de setembro, discutiu um novo marco fiscal de parcerias entre os anos de 2022-2026 para Djibouti, apoiando a meta do país de reduzir a pobreza por meio de um forte foco no desenvolvimento do setor privado. A criação de um ambiente benéfico para o desenvolvimento do setor privado para a construção de resiliência a longo prazo para conter choques econômicos como COVID-19.

Fonte: The World Bank – IBRD/IDA

SOMÁLIA INAUGURA A PRIMEIRA FÁBRICA PÚBLICA DE OXIGÊNIO

Por Maria Luiza Mendes em 01/10/2021

Somália inaugurou, no último dia 01 de outubro, a primeira fábrica pública de oxigénio no país, na capital, Mogadíscio. A fábrica está instalada em um hospital na capital e, é esperado a produção de 1.000 garrafas de oxigênio por semana, segundo a Agência de Notícias Associated Press (AP). O cenário de insegurança na Somália, decorrente ao terrorismo, representou um desafio a mais aos esforços para o combate da pandemia, levando recentemente a criação de uma ala para pacientes com COVID-19 em um hospital que foi parcialmente destruido em um ataque do grupo extremista Al-Shebab, ligado ao grupo Al-Qaeda, que controla algumas partes da Somália e constantemente tem a capital do pais como um alvo.

Fonte: Mundo ao Minuto

ESTRATÉGIA NACIONAL EM DJIBOUTI É CRIADA PARA DISCUTIR DESAFIOS E CRIAÇÃO DE METAS SOBRE A QUESTÃO MIGRATÓRIA NO CHIFRE DA ÁFRICA

Por Maria Luiza Mendes em 18/09/2021

Cerca de 150.000 migrantes indocumentados do Chifre da África atravessam as fronteiras de seus países de origem buscando refúgio em outros países ou em rumo ao Golfo. Djibouti junto com o apoio da Organização Internacional para as Migrações (OIM) lançou o primeiro projeto de Estratégia Nacional de Migração do país, pretendendo melhorar o bem-estar desses migrantes.A criação dessa estratégia irá oferecer ajuda e promover os meios de subsistência sustentáveis para os migrantes impactados pelos conflitos, as crises prolongadas, as mudanças climáticas e a falta de emprego.

Fonte: Africa News

NA SOMÁLIA, VICE-SECRETÁRIA DA ONU INCENTIVA PARTICIPAÇÃO DAS MULHERES NA POLÍTICA

Por  Bárbara Thaís Pinheiro Silva

A agenda eleitoral na Somália se aproxima. Diante disso, a vice-secretária-geral da ONU, Amina Mohammed, defendeu a realização de eleições pacíficas e a participação das mulheres em cargos eletivos. No último pleito, em 2016, as mulheres ocuparam 24% das posições, na Somália. A recomendação da secretária-geral é que esse número aumente para 30%. Isso se justifica pelo fato de que a presença feminina nos cargos públicos poderá diminuir a violência e a insegurança que as mulheres enfrentam no país.

Fonte: https://news.un.org/pt/story/2021/09/1762782

Ataque mata ao menos 8 pessoas na capital da Somália

Por Italo Oliveira

A explosão de um carro-bomba suicida matou ao menos 8 pessoas na capital da Somália, o ataque ocorreu próximo ao Palácio Presidencial do país supostamente organizado pelo grupo Al-Qaeda juntamente com o grupo Al-Shabab. O porta-voz da polícia local, Abdifatah Aden Hassan, afirmou em entrevista, que o número de vítimas reportado é possivelmente superior ao reportado, dados os casos de pessoas resgatadas pela família no incidente, sem a contagem estatal desses. Ele acrescentou que a ação do grupo Al-Shabab retirou à vida de civis, incluindo um soldado, uma grávida e duas crianças, lamentando o ocorrido. Por sua vez, o grupo em nota confirmou as acusações e apontou a sua intenção em depor o governo atual, estabelecendo sua interpretação das leis Islâmicas.

SUICIDE bomber kills at least eight in Somali capital. AlJazeera, [S. l.], p. 1, 25 set. 2021. Disponível em: https://www.aljazeera.com/news/2021/9/25/suicide-bomber-kills-at-least-eight-in-somali-capital. Acesso em: 5 out. 2021.

ONU alerta sobre desnutrição “sem precedentes” no Tigray, na Etiópia

Por Italo Oliveira

A Organização das Nações Unidas (ONU), alertou em um comunicado na última quinta-feira, dia 30 de setembro, a desnutrição sem precedentes entre mulheres lactantes, grávidas e crianças na região do Tigray, na Etiópia. A região, por sua vez, enfrenta um grave conflito há cerca de 11 meses. O comunicado foi emitido poucas horas após a expulsão de oficiais da ONU pelo governo da região.

Dados emitidos pelo escritório de coordenação humanitária das Nações Unidas confirmam as constatações de desnutrição apontadas pelo comunicado da ONU, no qual cerca de 15.000 mulheres grávidas e lactantes foram submetidas a exames, e em mais de 12.000 dessas, ou 79%, foram diagnosticadas em quadros de desnutrição

UN warns of ‘unprecedented’ malnutrition in Ethiopia’s Tigray. AlJazeera, [S. l.], p. 1, 1 out. 2021. Disponível em: https://www.aljazeera.com/news/2021/10/1/un-warns-of-unprecedented-malnutrition-in-tigray. Acesso em: 4 out. 2021.

 Primeiro Ministro Etíope é empossado para o seu segundo mandato de 5 anos

Por Henrique do Bonfim e Yasmin de Faria em 4.out.2021

O ganhador do prêmio Nobel da paz de 2019, Abiy Ahmed, foi empossado em seu segundo mandato de 5 anos como Primeiro Ministro da Etiópia na segunda-feira (04), em eleições marcadas pelo sucesso do seu partido Prosperity Party, que ganhou 410 das 436 cadeiras do parlamento. A região do Tigray, em guerra com Addis Abeba, não votou nessas eleições.

A maioria dos etíopes ainda acredita na capacidade de Abiy manejar a profunda crise que o conflito vem trazendo para o país em questões econômicas e humanitárias. Addis Abeba foi duramente criticada recentemente pelos EUA, por várias nações Europeias e pela ONU por expulsar sete funcionários da organização acusados de cooperar com as forças do Tigray. Os rumos da guerra civil ainda estão incertos, e não se sabe se o curso dela mudará após a nova posse.

Apesar dos esforços feitos por Abiy Ahmed no começo de seu primeiro mandato para reformas políticas e econômicas, o primeiro-ministro está sendo acusado por grupos de direitos humanos de reverter algumas das novas liberdades que havia conquistado para o país anteriormente. Ahmed também teve uma atitude considerada polêmica ao se posicionar contra a ação das Nações Unidas no conflito que está ocorrendo na região do Tigré.

Fonte: Al Jazeera

Abiy indica políticos da oposição para o novo gabinete

Por Henrique do Bonfim em 06.out.2021

Dois dias após tomar posse no seu segundo mandato como primeiro ministro, Abiy Ahmed indicou três posições ministeriais para figuras de partidos de oposição. O Ministério da Inovação e Tecnologia, O Ministério da Cultura e do Esporte e o Ministério da Educação são os únicos que o Prosperity Party da Etiópia não estarão a frente. Vale ressaltar que quase todas as cadeiras do parlamento foram para o partido do primeiro ministro nessas últimas eleições. Outra indicação notória foi do Abraham Belay (Prosperity Party) para Ministro da Defesa, que foi quem encabeçou a administração interina do Tigray formada pelo governo antes das forças rebeldes recapturarem a maioria da região em junho desse ano.

Fonte: News Day

 Ethiopian Airlines nega acusações de que estaria transportando armas que seriam utilizadas no conflito do Tigray

Por Henrique do Bonfim em 6.out.2021

A Ethiopian Airlines, principal empresa de aviação da Etiópia, foi acusada pela CNN de estar transportando dezenas de milhares de dólares em armas e munições que seriam utilizadas no conflito do Tigray. A investigação da TV norte-americana diz ter testemunhas oculares e evidências fotográficas que comprovam a sua acusação. A empresa etíope nega e diz estar em dia com todas as regulações internacionais de aviação comercial, nas quais existe a estrita proibição de utilizar aviões comerciais para transporte de armas militares.

As armas seriam transportadas para a Eritréia antes de serem utilizadas no conflito do norte da Etiópia. O governo eritreu e o governo etíope não se pronunciaram sobre o caso.

Disponível em https://www.aljazeera.com/news/2021/10/6/ethiopian-airlines-denies-transporting-weapons-in-tigray-conflict

Sessão regular da Organização de Controle de Gafanhotos do Deserto da África Oriental

Por Yasmin Faria

Nesta segunda-feira (04), aconteceu a 66ª sessão do Comitê Executivo da Organização de Controle de Gafanhotos do Deserto da África Oriental (em inglês, East-Africa Desert Locust Control Organization), estando presentes na reunião representantes da Eritreia, da Etiópia e da Somália. Durante o evento, o diretor-geral da inspeção agrícola do Ministério da Agricultura da Eritreia, Hirui Asgedom, reiterou a necessidade de revisar as estratégias de prevenção e de controle de gafanhotos, uma vez que houve um aumento considerável destes insetos em vários países-membros entre 2020 e 2021. Stephen Njoka, diretor-executivo da organização, destacou que o controle da praga é extremamente importante para garantir a segurança alimentar na região.

Fonte: Ministry of Information – Eritrea

Presidente do Djibouti chega a Addis Abeba

Por Júlia Pena Bicalho em 4/10/2021

Addis Ababa outubro 4/2021 (ENA) O presidente do Djibouti, Ismaïl Omar Guelleh, chegou hoje a Addis Ababa para participar da cerimônia inaugural da formação do novo governo na Etiópia.O Ministro das Finanças, Ahmed Shide, o Ministro da Educação Getahun Mekuria e outros altos funcionários do governo receberam o Presidente do Djibuti no Aeroporto Internacional de Addis Ababa Bole.

Fonte: ENA

Eritreia: A OMS apóia a disseminação e validação de dados reprodutivos preliminares, maternos, neonatais, infantis, adolescentes, envelhecimento e nutrição – descobertas da revisão resumida do programa de 4 a 6 de outubro de 2021

Por Júlia Pena Bicalho em 6/10/2021

O Estado da Eritreia fez grandes progressos na melhoria da saúde e do bem-estar das mulheres e crianças desde a independência. Isso se deve principalmente ao forte compromisso político com o desenvolvimento social, especialmente o esforço para melhorar a vida de mães e filhos.

FONTE: WHO-AFRO

Etiópia usou sua principal companhia aérea para transportar armas

Por Júlia Pena Bicalho 6/10/2021

Documentos de carga obtidos pela CNN, bem como relatos de testemunhas oculares e evidências fotográficas, confirmam que armas foram transportadas entre o aeroporto internacional de Adis Abeba e os aeroportos nas cidades de Asmara e Massawa a bordo de vários aviões da Ethiopian Airlines em novembro de 2020 durante as primeiros semanas do conflito em Tigray.

 FONTE: CNN BRASIL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.