Clipping África Austral #80

África do Sul tem aumento de restrições voltadas ao controle do COVID-19

 16/06/2021

O Governo da África Sul fortaleceu as restrições sobre abertura de espaços públicos e venda de bebidas alcoólicas visando conter o avanço em casos e hospitalizações pelo novo Coronavírus. O anúncio ocorre depois de um aumento de 59% nas hospitalizações relacionadas ao COVID-19 em relação às últimas duas semanas, o que ameaça o funcionamento do sistema de saúde. A média de casos diários quase dobrou nas últimas duas semanas. A África do Sul é o país africano com mais casos confirmados da infecção pelo Coronavírus, com 1,7 milhões de casos e quase 60 mil mortes pelo vírus. O cenário é de atraso na vacinação diante do descarte de 2 milhões de doses da Johnson & Johnson contaminadas na fábrica estadunidense de origem.

Fonte: Al Jazeera

Fonte: AFP

Terceiro maior diamante da História é encontrado na Botsuana

16/06/2021

O diamante de 1,098 quilates dado como o terceiro maior da História foi mostrado ao Presidente de Botsuana após duas semanas de sua descoberta pela empresa mineradora Debswana. A Debswana opera no país há 50 anos e se constitui como joint venture entre a multinacional De Beers e o governo nacional, que recebe 80% dos lucros.  A notícia é bem recebida diante da crise econômica da pandemia do COVID-19 que impactou as vendas de diamantes. Botsuana é o maior produtor de diamantes da África e o segundo maior diamante também foi encontrado em seu território, em 2015, este vendido por aproximadamente 40 milhões de libras esterlinas.

Fonte: BBC News

África do Sul sofre incertezas em seu setor bancário com a inserção do Goldman Sachs

 17/06/2021 

 O Grupo Goldman Sachs planeja aumentar a operação na África do Sul a partir de um escritório maior em Johanesburgo com vistas a obter uma parte do mercado cujos maiores bancos apresentam carteiras com mais de 1 bilhão de dólares estadunidenses. Seu histórico já é de grande investidor nos títulos públicos sul-africanos. O plano ocorre considerando o caráter industrializado e a recuperação econômica da África do Sul (com crescimento esperado de 4,2%) em meio a reformas no setor energético. O incremento da presença do Goldman Sachs chama atenção por trazer ameaças aos bancos nacionais, como o Standard Bank e o FirstRand.

Fonte: Bloomberg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.