Clipping África Austral #108

Covid-19: Situação de calamidade chega ao fim em Angola

15/05/2022

No último sábado (14/05), o Governo angolano declarou o fim da situação de calamidade pública em função da Covid-19, introduzindo novas regras para a gestão administrativa da pandemia a partir de segunda-feira (16/05). Até então, desde 25 de maio de 2020, o país estava em situação de calamidade pública. Atualmente, Angola está há mais de 70 dias sem registo de óbitos devido à Covid-19, por isso, uma das novas medidas é o fim da obrigatoriedade do uso de máscara em espaços abertos, mantendo a obrigatoriedade em locais fechados de acesso público. As vacinas são recomendadas a todos os cidadãos, a partir dos 12 anos, e é obrigatória a apresentação do certificado para acessar a vários locais, para todos os cidadãos com mais de 18 anos.

Fonte: Deutsche Welle

Moçambique detecta primeiro caso de poliomielite em 30 anos

18/05/2022

Moçambique declarou na última quarta-feira um surto de poliomielite após o vírus ter infectado uma criança na região norte do país, sendo o primeiro caso de pólio após três décadas sem infecções no território. Moçambique é o segundo país do continente africano a declarar um surto de pólio no ano de 2022, sendo o primeiro o Malawi. Com isso, a Organização Mundial da Saúde (OMS) está apoiando vacinações em larga escala direcionadas a milhões de crianças na porção sul da África, com objetivo de impedir a propagação do vírus no continente, que foi declarado livre da doença em 2020.

Fonte: Reuters

Angola: UNITA apresenta providência cautelar contra empresa Indra

Fonte: DW/B. Ndomba

19/05/2022

O partido político União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) entrou com uma providência cautelar junto do Tribunal Constitucional do país para contestar a contratação da Indra, empresa espanhola, através da Comissão Nacional Eleitoral (CNE) para fornecimento da logística das eleições. De acordo com representantes do  partido, a empresa não possui credibilidade, uma vez que alegam a sua participação nas fraudes eleitorais ocorridas em eleições anteriores.

Fonte: DW

Angola e Estados Unidos da América assinalam 29 anos de relações diplomáticas 

19/05/2022

No dia de hoje (19/05), a Angola junto aos Estados Unidos comemoram vinte anos de relações diplomáticas formalizadas, ao que antes era as relações eram conturbadas devido a posição divergente do governo angolano com os estadunidenses, durante a Guerra Fria. Na manhã de 19 de Maio de 1993, o Embaixador José Patrício e o Conselheiro Francisco da Cruz, ambos fazendo parte da equipe angolana acreditada junto da Organização dos Estados Americanos (OEA), dentro de um “arranjo diplomático possível”, para permitir a presença de Angola em Washington, foram convocados pelo novo Secretário de Estado Assistente para os Assuntos Africanos, George Moose, para mais um encontro com as autoridades americanas. Com base nos contatos diplomáticos na capital americana, os diplomatas angolanos sabiam que o Departamento de Estado tinha elaborado um documento sobre a nova política americana para Angola que apresentava cinco opções à Casa Branca, entre as quais a da normalização de relações entre Washington e Luanda e já nessa altura parecia merecer a anuência do Presidente Bill Clinton.

Fonte: Jornal de Angola

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.